Ex-aluna do Instituto Padre Machado revive as lembranças do seu tempo de menina no colégio

Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

Na década de 70, aos cinco anos de idade, Ana Maria Ribeiro da Silva, natural de Fortaleza, veio com os pais e quatro irmãos morar na capital Mineira. Do primeiro ano do ensino fundamental ao primeiro ano do ensino médio, o Ipem (Instituto Padre Machado) foi o principal espaço de construção do seu aprendizado. Ana Maria, Márcia Maria, Maria Teresa, Cecília Maria e André, todos ex-alunos do colégio, ainda hoje zelam por parte da história de quase cem anos de existência do Instituto.

Aos dezessete anos a família se mudou para Salvador, local em que Ana Maria concluiu o ensino médio. Formada em Biologia e Educação Física, atualmente exerce a função de bancária no Rio de Janeiro, onde mora há 13 anos. De volta a Belo Horizonte, no dia 14 de maio, o reencontro era bastante esperado. Acompanhada do esposo foram do aeroporto direto à escola.

Voltar ao tempo e ao espaço considerado precioso para ela lhe proporcionou diversas lembranças da vida acadêmica, além de uma emoção que não soube explicar. Ainda se recorda onde era o laboratório de química, a sala de aula, o ginásio, e claro, a Capela do colégio, aonde realizou a sua Primeira Eucaristia. Ao percorrer cada espaço ela se emociona e diz “essa memória esteve sempre muito viva em mim”.

Por telefone, Ana Maria conta sorridente à irmã que está na escola. Márcia, a distância, também revive esse passado e se recorda do seu educador de Geografia, Padre Luiz Antonio, e de vários colegas de classe.

Entre os passos e as fotografias o riso embalado de saudades e nos olhos o brilho da gratidão. O casal se despede com satisfação.

No Ipem as portas permanecem sempre abertas a vocês.

Por: Luciana Ferreira

Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.
0 respostas

Deixe uma resposta!

Participe

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *